Fale conosco pelo WhatsApp

Saiba como melhorar as vendas em época de crise

7 de julho de 2015 | | 685
Saiba como melhorar as vendas em época de crise Separar
(Banco de imagens: Shutterstock)

A crise econômica é pauta dos noticiários desde meados de 2014. Se naquele momento se tratava apenas de uma especulação, agora, no segundo semestre de 2015, ela é uma realidade consolidada.

De acordo com dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, IBGE, as vendas do comércio varejista caíram pelo terceiro mês consecutivo em abril. Em comparação com o mesmo mês de 2014, o recuo foi de 3,5%, pior desempenho para o mês desde 2003, quando o declínio foi de 3,7%.

Dos dez segmentos apurados na pesquisa, sete apresentaram queda. Os setores de móveis e eletrodomésticos foram os mais prejudicados com um retrocesso de 16% nas vendas.

O cenário negativo da economia faz com que muitas empresas cortem custos e despesas, muitas vezes sem uma análise mais detalhada de quais despesas na verdade são investimentos diretamente relacionados a geração de receita e vendas. Geralmente isso acontece com os investimentos em marketing.

Erroneamente essa área ainda é vista como um custo, mas deveria ser avaliada como investimento. Afinal, o departamento é o responsável por atrair recursos e potenciais clientes.

Enquanto muitas companhias recuam, outras mais ousadas aproveitam a oportunidade para avançar e ganhar mais espaço no mercado. Enxergar uma oportunidade no atual contexto é a melhor forma de se diferenciar dos concorrentes e ganhar a credibilidade frente aos consumidores.

E o marketing é a melhor maneira de atingir esse resultado, afinal envolve estratégias e métricas e, por meio delas, é possível calcular o valor de investimento e lucro.

A seguir, veja algumas alternativas de investimento em marketing que são diretamente relacionados a geração de receita e aumento de vendas.

Links Patrocinados

A cada dia que passa o consumidor está mais exigente e, antes de adquirir qualquer produto ou serviço, pesquisa minuciosamente. Isso significa que os seus potenciais clientes podem buscar a qualquer momento informações sobre a sua indústria e seus produtos. Essa realidade torna os buscadores essenciais para o seu negócio.

Nova chamada à ação

Existem duas formas de você usar os motores de busca a seu favor: utilizando o SEO, que falaremos posteriormente, e/ou links patrocinados. O último citado é o método de publicidade mais utilizado do mundo e a curto prazo é uma excelente alternativa.

Os anúncios aparecem para as pessoas no momento em que estão decidindo sobre a compra, o que aumenta as chances de concretização da venda. A publicidade é indexada a um grupo de palavras-chaves – relativas ao seu negócio – previamente definidas.

Vale ressaltar que, além da rapidez na implementação, os anúncios não são pagos por visualização e sim por cliques. Além disso, as campanhas podem ser segmentadas e com controle de custo, o que torna todos os resultados mensuráveis. Veja como extrair o máximo de sua campanha de Links Patrocinados.

SEO

SEO ou Search Engine Optimization é um conjunto de medidas que tem como objetivo melhorar o posicionamento do seu site nos resultados orgânicos – pesquisas gratuitas – dos buscadores.

Essa estratégia deve ser usada a longo prazo, mas é tão ou mais importante do que qualquer outra. O seu site é a vitrine do seu empreendimento, mas você precisa fazer com que o usuário encontre esse mostruário.

As primeiras colocações podem ser alcançadas por meio de uma série de ações, como:

  • Publicações em blogs;
  • Páginas de conteúdo;
  • Imagens exclusiva;
  • Construção de Links de referência;

Nesse processo o conteúdo é rei. Além de ser atualizado regularmente, ele precisa ser original, atraente, útil ao público e otimizado.

 Mídias Sociais

As mídias sociais servem como um termômetro para o seu negócio. Além de ser um excelente canal de distribuição de conteúdo, você pode ter um feedback imediato de suas ações, acompanhar os resultados e, o mais importante, ter contato direto com o seu público-alvo.

Segundo dados fornecidos pela Hubspot, 66% dos empreendimentos aumentaram seus leads passando apenas seis horas semanais nas mídias sociais. Ou seja, é uma excelente plataforma para gerar novas conexões, encantar clientes e conquistar o marketing espontâneo.

Apesar dos pontos positivos, essa plataforma de comunicação exige uma série de cuidados, pois inicialmente ela é uma plataforma de comunicação, e não 100% direcionada a vendas, e também ela aumenta a exposição da sua marca.

Crie um guia de estilo para cada mídia social. Otimize seu perfil adequadamente, incluindo descrição objetiva, logotipo e site. Responda os internautas de forma personalizada, foque em resolver os problemas dos seus clientes, distribua conteúdo relevante, mantenha regularidade nas publicações e mensure os seus resultados.

Inbound Marketing

Poucas empresas no Brasil conhecem essa estratégia, mas antes de se aprofundar no assunto você precisa saber um dado valioso. Cerca de 92% dos profissionais de marketing americanos consideram o inbound marketing essencial para as companhias no atual cenário econômico.

A técnica engloba todas as estratégias de marketing digital. Enquanto o outbound marketing se concentra em oferecer produtos e serviços, o inbound foca no consumidor e em qual estágio da jornada do comprador ele se encontra. O objetivo é resolver os problemas das pessoas e consequentemente conquistar a atenção delas.

O método incentiva a construção de relacionamento, o que atrai não apenas clientes, mas divulgadores e admiradores da sua marca. Podemos dizer que é o marketing que as pessoas amam.

Quando se trata de inbound marketing as palavras-chaves são criatividade, inovação e exatidão. Por isso, qualquer definição seria muito subjetiva. Ficou curioso? Quer saber mais? Baixe o nosso E-book sobre as melhores práticas do Inbound Marketing!

<!– [if lte IE 8]>