Fale conosco pelo WhatsApp

Quando optar por um site responsivo, mobile ou aplicativo?

Quando optar por um site responsivo, mobile ou aplicativo

site mobile, responsivo ou aplicativoApós as alterações do algoritmo do Google no dia 21 de abril, mais empresas estão preocupadas em tornar a sua presença digital realmente otimizada levando em conta as novas tendências de web design e marketing digital.

A mudança realizada pelo Google deu maior importância para sites mobile-friendly, que passaram a ter mais destaque nos resultados de buscas orgânicas da ferramenta de busca.

A tendência de construção de sites que se adaptam as plataformas mobile já tem sido reforçada a anos e finalmente o Google tornou isso um pré-requisito forte para o ranqueamento de seus resultados.

Mas tanto o Google, como outras ferramentas de buscas como Bing e Yahoo, estão tentando fazer com que o apenas conteúdos relevantes cheguem ao usuário e dessa forma diversas outras características são importantes para alavancar a otimização de sites.

Criação de sites

Para realizar a criação de sites da sua empresa, ou mesmo a reformulação de um site já existente, a consultoria em SEO é fundamental para dar as diretrizes do segmento no atual momento.

É importante, por exemplo, conhecer seu público-alvo e definir qual o melhor modelo para oferecer seu serviço ou produto.

A discussão normalmente gira em torno das opções, site responsivo ou site mobile, no entanto, com os novos caminhos do marketing digital, uma nova opção a ser considerada pelas empresas são os aplicativos. Entenda cada um deles.

Site Responsivo

O site responsivo é aquele que é capaz de se adequar aos diversos tamanhos de tela para oferecer seu conteúdo de uma forma clara ao usuário. Antigamente dizia-se site responsivo aqueles capazes de ajustarem seu conteúdo para desktop, smartphone e tablet, no entanto, agora devem ser considerados novos gadgets, como smartwatches e TVs inteligentes.

Entre as resoluções adaptáveis do site responsivo estão:

  • 1920 px (telas mais modernas)
  • 1024 px (monitores mais antigos e tablets na horizontal)
  • 768 px (tablets na vertical)
  • 480 px (smartphones na horizontal)
  • 320 px (smartphones na vertical)
  • Outras

Um item a ser considerado no site responsivo é que ele irá exigir um investimento maior da empresa, pois demanda uma tecnologia mais avançada para ser capaz de adequar seu conteúdo a tela usada pelo usuário, de forma que este não seja prejudicado e tenha fácil acesso e leitura, sem perda de conteúdo.

Site Mobile

O site mobile é aquele no qual o conteúdo e design será adaptado para o usuário que estiver acessando com uma resolução inferior a 480 px (por exemplo), o que indica que ele está acessando o conteúdo de um smartphone.

Neste caso o site não terá o mesmo aspecto do site-mãe, mas sim irá oferecer o produto ou serviço mais relevante para a empresa naquele formato.

Nem toda a empresa precisa investir em um site responsivo, em alguns casos, como restaurantes, companhias de viagens áreas, sites de notícia ou entretenimento, um bom design mobile é capaz de atender as demandas do público.

Aplicativo

Com as mudanças nos algoritmos do Google uma nova opção foi inserida no leque das empresas. Agora quando o usuário fizer uma busca na ferramenta e o Google entender que o conteúdo de um aplicativo instalado no aparelho do usuário é relevante, aquele conteúdo irá aparecer nos resultados orgânicos.

Dessa forma, muitas empresas têm no aplicativo uma nova opção para ser relevante e estar em contato com seu cliente. Um exemplo de quem já presta este tipo de ferramenta com eficiência são os bancos, que oferecem diversos serviços móveis por meio de aplicativos que são considerados mais seguros e dinâmicos.

Para compreender qual a melhor opção para seu negócio uma consultoria em SEO pode ajudar a estabelecer as metas e determinar qual o público-alvo, considerando características que vão permitir mais assertividade no processo.

Veja as tendências do mercado de desktop, smartphone e tablets:

mercado WSI

No site da WSI, por exemplo, vimos uma grande tendência ao uso do smartphone crescendo no comparativo entre 2013 e 2014. Entre os dois anos, aumentou em 91,10% o acesso ao site por plataformas mobile.

No mesmo período houve um crescimento de 33,56% no uso de tablets para consultas em nosso site, enquanto o desktop teve uma queda de 13,61% nessa participação.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *