Fale conosco pelo WhatsApp

Como criar uma página médica no Facebook?

16 de junho de 2022 | | 0
Um tablet aberto na página do Facebook
(Banco de imagens: Shutterstock)

Conheça o passo a passo de como ter uma página profissional para a sua clínica ou consultório no Facebook.

Criar uma página médica no Facebook é um dos primeiros e também mais importantes desafios do marketing digital na área médica. Garantir sua presença no ambiente digital é fundamental em uma era em que a digitalização dos processos têm tomado conta de praticamente todos os setores da sociedade.

Muitos pacientes gostam de procurar conhecer novas clínicas e consultórios, primeiramente, avaliando sua página médica no Facebook. Esta rede social apresenta, na atualidade, cerca de 70 milhões de usuários somente no Brasil, fazendo com que seja imprescindível a criação deste tipo de perfil para quem deseja se destacar dentro do cenário conhecido como transformação digital.

Embora seja um procedimento simples, é natural que muitas pessoas tenham dúvidas de como criar uma página médica no Facebook. Portanto, elaboramos aqui um passo a passo definitivo para você acertar na criação da sua. Vamos lá?

Passo 01: Acesse seu Facebook

Para começar a criar a sua página médica no Facebook, é preciso de cadastro na rede social. Depois de realizar o seu login, vá até o seguinte link: https://www.facebook.com/pages/create.php. Através dele, você será redirecionado para a criação de novas páginas.

O Facebook disponibiliza opções variadas para criação de fanpage, desde artistas, entretenimentos, marcas, produtos etc. Já clínicas e consultórios podem ser marcados na opção de negócios locais ou até mesmo empresas.

Passo 02: Preencha as principais informações

Uma vez que você clica em “negócios locais” ao criar uma página médica no Facebook, é preciso preencher algumas informações solicitadas, tais como:

  • Nome da página;
  • Endereço;
  • Cidade e estado;
  • CEP;
  • Telefone de contato.

Passo 03: Forneça informações ainda mais detalhadas

Concluído o preenchimento das informações principais, é preciso fornecer alguns dados ainda mais detalhados e específicos, como a descrição da sua página médica do Facebook, adicionar uma foto de perfil e até mesmo entregar informações acerca dos interesses gerais do público que você pretende agregar como seguidores da sua fanpage.

Aqui, você pode resumir a sua página médica do Facebook trazendo um direcionamento, como por exemplo “Dr. João da Silva, ortopedista em São Paulo”. Nas tags relacionadas, você pode adicionar os principais pontos de interesse dos seus potenciais pacientes, tais como: “cirurgia de tornozelo”, “ortopedia pediátrica”, “neuro-ortopedia”, etc.

Assim sendo, o algoritmo do Facebook consegue, mais facilmente, conectar potenciais pacientes até a sua página através de pesquisas relacionadas.

Você também pode dizer ao Facebook quais são as principais características do público que você deseja se conectar, através de faixa etária, gênero, localização geográfica e principais interesses.

Passo 04: Escolha uma foto de capa

Se você tiver concluído todas as etapas sugeridas até aqui, é hora de finalizar a criação da página médica no Facebook adicionando a ela uma foto de capa. Pode ser um banner com uma foto da fachada da clínica, ou do próprio médico, com informações de contato – ou não.

Abuse da criatividade, mas crie um layout atrativo. Não se esqueça de que pode ser necessário o auxílio de um profissional de design gráfico neste momento.

A partir daí, a sua página médica no Facebook já estará disponível. Lembre-se de utilizar seu próprio perfil pessoal para curtir a fanpage e de enviar convites para que as suas conexões também curtam a página.

Você receberá notificações sempre que conquistar novos seguidores, e o Facebook te fará um convite para realizar a primeira publicação da sua página médica. A partir daí, é hora de começar a utilizá-la como ferramenta de marketing digital, investindo em publicações educativas e informativas sobre a sua área de atuação, para que elas possuam um alcance orgânico.

Também é possível traçar um paralelo entre os stories da sua página médica no Facebook e do seu Instagram, bem como investir em tráfego pago – as chamadas campanhas de Facebook Ads, de forma a atrair mais facilmente potenciais pacientes (no marketing digital, chamados de leads).